quinta-feira, 26 de maio de 2011

Godzilla

Sabe, querido nerd incauto e desocupado, crescer foi bastante difícil pra mim, pra ter uma noção disso vou me descrever um pouco....tenho quase 1,90m de altura, mais quilos do que gostaria de publicar aqui e uma envergadura de mais de 2 metros.....e eu sempre me “destaquei na multidão” por assim dizer, bastava olharem para cima para ver o sol se escondendo atrás de mim. E isso sempre me acarretou alguns problemas fora do comum, do tipo, eu não poderia jamais pegar emprestado roupas de amigos sem que eu automaticamente parecesse um Power ranger obeso, e nunca participava das brincadeiras de lutinha pq se eu o fizesse minha mãe receberia ligações de outras mães preocupadas de porque quando os filhos dela brincavam de Power rangers eu era o megazord ¬¬ e pra piorar eu era comicamente estabanado o que me rendia umas boas surras quando eu tinha que segurar algum objeto caro e frágil. Sentiu o drama? Enfim eu tinha que controlar bastante essa maquina de destruição e caos que é o meu corpo, e algumas vezes eu queria saber o que poderia acontecer caso eu não me controlasse....foi aí q num belo dia eu liguei a televisão e vi isso!



Que exemplo melhor para meu dilema que um lagarto gigante que cuspia radiação destruindo Tókio? Eu havia encontrado meu ídolo, GODZILLA o rei dos monstros, uma das figuras mais icônicas do cinema, como não se sentir nostálgico quando a primeira coisa que me vem a mente agora é a classica cena do godzilla saindo do mar precedido daquele borbulhamento no mar japonês. Ele apareceu pela primeira vez em 1954 num filme homônimo, concebido por Eiji Tsuburaya o criador do Ultraman se você não sabe o que é Ultraman eh melhor vc sair desse instante do meu blog e apelar para o Google seu paspalho sem cultura!  Godzilla se destaca no gênero suitmation, que basicamente quer dizer: tem um caboclo dentro dakela fantasia de lagartão!!o conceito básico de cada um dos 28 filmes do godzilla que já foram filmados se dividia em 2 categorias:

1- Godzilla sai do mar, visita uma ilhazinha pacata do Japão, toca o terror, luta com o exercito e era derrotado.

Ou

2- Godzilla sai do mar, e pelejava com aliens, ou monstros gigantes, dependendo do humor do diretor, em lutas épicas que geralmente destruíam mais do que ajudavam.

Preciso dizer qual das duas categorias era a minha preferida?

A aberração hollywoodiana chamada Godzilla (1998) com Mathew Broderick se encaixa mais no primeiro caso não é? Não sei se é por isso, ou pelo protagonismo falho de Broderick nesse filme que eu o odeio tanto. O fato é que o segundo conceito rendia uma coisa muito mais preciosa do que o astro de curtindo a vida adoidado lutando contra um monstro gigante........DOIS MONSTROS GIGANTES LUTANDO ENTRE SI!!!!!




Meus olhos brilham nesse momento só de lembrar cada contenda, cada batalha, cada bafo atômico...era épico e nada alem disso... “mas que outros monstros gozilla enfrentou?” voce nerd incauto deve estar se perguntando, o nomes que me vem a mente são King Ghidorah, Mothra, Jet Jaguar, Megalon entre outros, o que? Você não faz a menor idéia do que esses nomes representam? Para a sua eterna sorte eu sou um cara que se preocupa em fazer um trabalho bem feito e ta aqui um videozinho q mostra cada um deles.



Godzilla é muita cultura...da até pra se divertir com o filme...sabe o que você vê enquanto rebobina um filme do Godzilla? Um lagarto gigante que ajuda a reconstruir meia cidade e depois faz um moonwalk de volta para o oceano.


Enfim, esses filmes fizeram da minha infância uma coisa mais feliz mas também me ensinaram que se você vê um japonês correndo apavorado é uma boa chance pra por seus exercícios em dia. Bom... Ja que o futuro ta me assustando vamos lembrar do passado.

2 comentários:

  1. awensome realy awensome realy realy realy awensome

    ResponderExcluir
  2. Cara, essa postagem foi uma das coisas mais engraçadas q eu já vi nos últimos tempos... demais Vibola!!!

    ResponderExcluir